Blog

Bovespa deve iniciar o dia em forte correção nesta terça-feira

Depois de um atraso de mais ou menos duas horas, a Folha de São Paulo divulgou os resultados da pesquisa DataFolha para intenções de voto no segundo turno. De acordo com o instituto, é a primeira vez que a candidata à reeleição está numericamente à frente do candidato de oposição. Ainda persiste o empate técnico entre ambos, mas o resultado virou de 51% x 49% em favor de Aécio Neves para 52% x 48% em favor de Dilma. A alteração também foi apresentada em pesquisa divulgada pelo Vox Populi que mantém a petista na frente, porém em empate técnico.

eleicao-bovespa-aecio-dilma

Com a corrida eleitoral acirrada e incerta, cresce o medo de que o atual governo consiga se reeleger. Em resposta a essa expectativa, o mercado reage reduzindo sua exposição especialmente àqueles papéis que têm maior interferência do governo.

O que esperar da Bovespa durante o pregão de hoje?

Como tem sido a lógica dos últimos dias, os papéis mais afetados pelo ambiente eleitoral devem continuar sendo aqueles que têm maior influência do governo:

PETR4 - Petrobras: No mercado internacional as ações da Petrobras operam em baixa de -8,57%, acumulando queda de quase 15,00% em apenas dois dias. Do ponto de vista técnico, ontem a ação perdeu suporte muito importante na faixa de 18,35 e aponta para elevada possibilidade de continuação das quedas no curto prazo. De acordo com a análise do gráfico das ações da Petrobras, o primeiro alvo para a cotação das ações fica em 16,90. Se as quedas persistirem, um possível alvo fica em 16,30. Nessas duas regiões, podemos ter oportunidades de compra.

toro-radar-grafico

Banco do Brasil - BBAS3: Outra ação do chamado kit eleições que deve sofre hoje é o Banco do Brasil. No dia de ontem, o mercado perdeu as médias móveis com um candle de força e rompeu uma linha de tendência de alta que havia se formado desde o início do mês. Com essa movimentação, o mercado aponta para aceleração das quedas no curto prazo e indica como primeiro alvo a faixa de R$ 26,40 região na qual existe uma estrutura importante de gap. Nessa região, ficaremos atentos a compras contra tendência.

grafico-acoes-bbas3-banco-do-brasil

Gafisa - GFSA3: A construtora deve ser um papel duplamente penalizado no dia de hoje. De um lado, a associação do mercado imobiliário com a política econômica adotada pelo governo deve pressionar as cotações da empresa para um pregão de forte desvalorização. Ao mesmo tempo, a companhia divulgou ao mercado revisão para baixo de suas expectativas de lançamentos imobiliários para este ano (2014). Com isso, o mercado tem espaço para corrigir de forma intensa e sugere possível alvo na faixa de 2,80. Nessa importante região compradora, também devem surgir ótimas oportunidades de operação com objetivo de aproveitar um papel excessivamente descontado.

gafisa-gfsa3-grafico-acoes

Braskem - BRKM5: Na contramão do mercado, as ações da Braskem se recuperaram com a alta do dólar em relação ao real. Com isso, o papel supera barreira vendedora importante na casa de 16,90 e aponta para aceleração das altas no curto prazo. Para o papel, um possível alvo se localiza na região de R$ 18,70 onde temos importante região de pressão vendedora. Diante dessa situação, ficamos atentos a oportunidades de operação a favor da tendência principal de alta nesse ativo.

acoes-brkm5-braskem-grafico-tempo-real

Diante da expectativa de um dia marcado por correção intensa, a equipe do www.tororadar.com.br/conheca ficará atenta especialmente às oportunidades de compra contra-tendência e aos ativos que não têm ligação com a Bovespa como commodities (milho, boi, café).

E você, o que espera do mercado no pregão desta terça feira? Deixe seu comentário ou converse com nossa equipe e com outros investidores no chat do Toro Radar.

New Call-to-action

atua no mercado de ações há 8 anos e é membro da equipe do Toro Radar desde 2010, onde atua como instrutor de cursos e palestras sobre diversos temas na área de investimentos e como analista. Estudou administração de empresas no IBMEC de Minas Gerais e Direito na Universidade Federal de Minas Gerais. Possui a certificação de Planejador Financeiro CFP® - Certified Financial Planner, é Consultor de Valores Mobiliários registrado na CVM e Analista CNPI-T registrado na APIMEC.
E-book Guia completo do Investidor Iniciante

Últimos artigos

New Call-to-action