Cursos GRATUITOS sobre investimentos:

New Call-to-action

Blog

O que é o Dólar Futuro?

o-que-e-dolar-futuroQuando falamos em investimento em dólar hoje, muitos ainda associam apenas a compra da moeda norte-americana em casas de câmbio. Entretanto, essa é apenas uma forma (até mesmo ultrapassada) de investimento.

Se a sua intenção é investir no Dólar, muito melhor do que comprar a moeda é operar no Mercado Futuro. Grandes investidores compram e vendem Contratos Futuros de dólar diariamente e apostam nas oscilações da moeda para garantirem seus ganhos.

Os contratos futuros são a melhor forma de alcançar grandes resultados na bolsa. E agora você entenderá como.

➠ O Dólar futuro nada mais é que um contrato de compra e venda do dólar para uma data de vencimento futuro, por um preço estabelecido no momento da operação.

Baixe um guia completo de como operar dólar no mercado futuro

Esses contratos podem ser negociados como qualquer ativo e para melhor adaptar ao perfil do investidor e seu capital disponível, estão disponíveis em duas modalidades distintas:

  • Contratos cheios
  • Minicontratos

Abaixo entenderemos melhor como funcionam essas duas modalidades e as particularidades de cada uma.

Mas como exatamente um investidor pode abandonar as tradicionais casas de câmbio e trocá-las pelo Mercado Futuro?

New Call-to-action

Neste artigo você irá conhecer esse contrato, se apaixonar por ele e entender:

  • O que são os incríveis investimentos em Dólar futuro
  • Como funcionam essas arrojadas operações
  • Como você pode ganhar nesse mercado
  • Quais as informações técnicas indispensáveis para qualquer investidor

Como operar Dólar Futuro?

operar-dolar-futuroComo qualquer ação, os contratos de dólar futuro são operados através de uma corretora de valores e seu respectivo Home Broker, e necessitam de uma Margem de Garantia para liberar a operação.

Essa margem pode estar disponível em dinheiro, em ações e até mesmo títulos de renda fixa.

Dessa forma, um investidor pode ter um investimento em títulos públicos e usá-lo para operar no Mercado Futuro apenas recebendo os potenciais ganhos e pagando os eventuais prejuízos.

O Day Trade é a modalidade mais popular para operações de dólar futuro. Investidores aproveitam da característica volátil da moeda e realizam compras e vendas de poucas horas ou minutos desses contratos para potencializar seus ganhos.

Operações de dólar a curto prazo também acontecem frequentemente, mas diferente do Day trade, essa modalidade exige um maior capital disponível para operação.

Como foi dito anteriormente, os contratos de dólar estão disponíveis em dois “tamanhos”, o contrato cheio (DOL) e o minicontrato (WDO). A cotação do Contrato Futuro é sempre expressa pelo valor em Reais correspondente a US$1000.

Neste caso:

  • Cada Contrato cheio representa uma movimentação de US$50 mil e é padrão a negociação de um lote mínimo de 5 contratos, totalizando US$ 250 mil.
  • O Minicontrato, por outro lado, vale apenas 20% do contrato cheio, portanto cada contrato vale US$10 mil e neste caso não há um número mínimo para sua operação.

Mas a grande vantagem é que não é necessário ter o equivalente a US$10.000 para operar em contratos futuros de dólar. Você pode alavancar seu capital para potencializar suas operações, pois você não paga e nem recebe pelo valor total do contrato. O lucro ou prejuízo é apenas a oscilação da operação.

Porém, essas operações as especificações são:

1) Alavancagem

A alavancagem permitida para esses contratos é de aproximadamente:

  • Até 30 vezes para os contratos cheios;
  • Até 20 vezes para o minicontrato.

Isto é, ele pode movimentar um capital muito maior do que tem disponível, possibilitando uma maior margem sobre o valor investido.

Lembrando que essa grande vantagem também implica em maiores riscos e por isso é importante contar com uma boa análise, o auxílio de profissionais experientes no mercado e um correto Manejo de Risco de seus investimentos.

2) Margem de Garantia

A margem necessária para operá-los é de aproximadamente:

  • R$45.000,00 para o DOL, sendo que o mínimo são cinco contratos;
  • R$430,00 para o WDO, por contrato, já que o mesmo não possui quantidade mínima.

3) Variação por pontos

  • DOL: Operando 5 contratos cheios de dólar, a variação de um ponto no contrato representa um lucro/prejuízo de R$250,00.
  • WDO: Para cada minicontrato, essa mesma variação resulta em R$10,00 de ganho ou prejuízo.

Para facilitar o entendimento, vamos analisar o seguinte exemplo:

dolar-futuro-recomendacao

Nessa operação de Day Trade, recomendada pela Toro Radar no dia 09/05/2016, com dez minicontratos comprados a um valor de R$3599 e vendidos a R$3609,5, você geraria um lucro de R$1.050,00 em apenas um minuto.

Esse resultado pode ser entendido da seguinte maneira:

➠ Quantidade de contratos x 10 x variação dos pontos = 10 contratos x 10 x 10,5 pontos.

 

 

 Veja um guia completo sobre o Day Trade

Agora, se você quer saber qual a margem de garantia que você precisa para operar 10 minicontratos, o cálculo é ainda mais simples:

➠ 10 x margem de garantia = 10 x R$430,00, totalizando R$4.300,00.

Ou seja, com apenas R$4.300,00 você teria um lucro de R$1.050,00 em apenas 1 minuto. Isso representa um lucro de mais de 24% em relação ao seu capital.

*Vale lembrar que todas as operações em renda variável possuem risco compatível ao retorno e que rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura.

Agora vou lhe dar uma dica prática: Apesar destes serem cálculos simples, sabemos que no dia a dia nas operações de Day-Trade qualquer minuto faz toda a diferença. A própria operação que demos de exemplo durou apenas 1 minuto. Portanto agilidade é tudo!

Pensando nisso, o novo Home Broker do Toro Radar já calcula automaticamente pra você a margem de garantia necessária e até mesmo qual será o lucro ou prejuízo por ponto. Veja o exemplo abaixo:

dolar-futuro-margem.pngEssa é mais uma das vantagens de utilizar o nosso Home Broker, que além de te dar mais agilidade nas operações já está integrado com recomendações das melhores oportunidades do mercado, garimpadas por uma equipe de analistas qualificada e experiente que acompanha a bolsa de valores em tempo integral.

Ficha técnica do Dólar futuro

Agora que já explicamos as características mais importantes dos contratos de dólar, para facilitar a consulta e o entendimento sobre essa modalidade de investimento, elaboramos um quadro para resumir tudo sobre eles.

Veja abaixo:

 Código DOL (cheio) WDO (mini)
Cotação Reais por dólar Reais por dólar
Tamanho do Contrato US$50.000 US$10.000
Valor do Contrato US$50.000 x Cotação US$10.000 x Cotação
Meses de Vencimento Todos Todos
Data do Vencimento 1º dia útil do mês 1º dia útil do mês
Horário de Negociação 9h às 18h 9h às 18h
Margem para Day-Trade R$8.810,00 por contrato R$430,00 por contrato
Margem de Garantia normal 13% do valor do contrato 13% do valor do contrato
Custo Operacional por contrato (Day Trade) 0,6 ponto 0,6 ponto
Custo Operacional por contrato (Curto Prazo) 1 ponto 1 ponto

 

À partir de agora chegamos ao ponto mais importante pra você, investidor.

Neste ponto do artigo você já deve ter entendido que este contrato é uma excelente oportunidade de investimento e você está de parabéns por ter chegado até aqui.

Agora vamos entender como você pode passar de um simples investidor da bolsa para um investidor de sucesso no Mercado futuro.

Como ganhar com o Dólar Futuro?

dolar-futuro-como-ganhar.jpg

A lógica para entendermos como muitos investidores ganham fortunas em cima desse tipo de operação é simples.

Tal como qualquer ação, o investidor compra contratos quando têm perspectivas de alta e os vende quando o cenário mostra futuras desvalorizações.

Mas o que muitos investidores ainda não sabem é que as oportunidades não param por aí! Operações de Short Selling também são extremamente populares entre as estratégias de investidores fãs do Dólar futuro.

Vamos analisar um exemplo:

dolar-futuro-recomendacao-venda.jpg

Nessa operação de Short Selling de minicontratos de dólar futuro, também recomendada no dia 09/05/2016 pela equipe da Toro Radar, um investidor que entrou vendido com 10 contratos a um valor de R$3583 os comprou 2 minutos depois a R$3570,50.

Isso representa uma variação de 12,5 pontos, o que confere um ganho de R$1.250,00 sobre uma operação que também exigia R$4.300,00 de margem de garantia.

R$1.250,00 de lucro em apenas 2 minutos de operação.

 

Entretanto, um ganho como o mostrado nestes exemplos não é fácil de ser alcançado sem as informações certas. Ambos tem em comum um detalhe crucial: foram operações baseadas em uma análise técnica feita por especialistas do Toro Radar.

Conheça os resultados do Toro Radar

E o segredo é: A análise técnica é fundamental para as operações no Mercado Futuro. Analistas afirmam que este mercado obedece de maneira incrível os padrões gráficos, e entendê-los é um grande passo para se preparar para o WDO e DOL, assim como para outros contratos futuros.

Use a Análise Técnica a seu favor - Baixe um e-book completo!

Ebook Análise Técnica de Ações - download

Mas independente da modalidade escolhida, é importante ressaltar que a Bolsa de Valores expõem riscos ao investidor. E o Mercado futuro não é diferente.

Por ser um mercado volátil seus ganhos são surpreendentes, mas as perdas podem ser igualmente grandes. Adentrar-se nesse mundo sem as ferramentas certas é extremamente arriscado.

Pensando nisso, fizemos uma lista de 3 itens cruciais para alcançar o sucesso no Mercado Futuro:

1. Conhecimento sobre Análise Técnica

Precisamos aproveitar padrões já entendidos sobre esse mercado para alcançarmos os nossos objetivos. Pra quê inventar a roda novamente, não é mesmo?

2. Contato com analistas

Uma consultoria é um bom degrau para o item anterior. São esses profissionais que respiram análise técnica e que são os mais capazes a desenvolver estratégias de sucesso.

3. Agilidade

Como foi visto nos exemplos dados, ambas operações foram de curtíssimo prazo. Um conjunto de ferramentas de análise e um Home Broker eficiente são itens vitais para te levar a um bom resultado.

Agora que você já entendeu como funciona e o que você precisa para operar no Mercado Futuro, é importante compreender como funciona a tributação sobre esses investimentos e seus respectivos custos operacionais.

Custos e Tributação

Todos os contratos futuros sofrem tributação de Imposto de Renda e o investidor é responsável por seu recolhimento. Essa tributação é calculada em cima do resultado positivo do ajuste diário (somados os lucros e subtraídos os prejuízos). Mas o que seria esse valor?

➠ O ajuste diário é um mecanismo criado para proteger o mercado e até mesmo os investidores, garantindo que sejam debitados todos os prejuízos e pagos todos os lucros referentes àquele dia.

Nada mais é um que ajuste financeiro diário das posições de cada investidor que optou por permanecer posicionado.

Esse valor é calculado pela BMF&Bovespa e representa a média ponderada das operações dos últimos quinze minutos de pregão. Com o ajuste, cada investidor apura seus lucros ou prejuízos diariamente.

Sendo assim, o imposto de renda é calculado da seguinte forma:

  • Curto prazo: A alíquota do imposto de renda será de 15% sobre o valor do ajuste diário. Além desse valor, há 0,005% retido na fonte sobre essa soma.
  • Day Trade: a alíquota é de 20% sobre os ganhos mais 1% de imposto retido na fonte.

Fora o IR, também são cobradas taxas de corretagem de acordo com sua corretora de valores.

Saiba mais!

Como esses contratos estão inseridos no Mercado Futuro, é importante saber como funcionam e o que significam os códigos de cada contrato.

Conforme foi dito anteriormente, os códigos dos contratos cheios e do minicontrato são, respectivamente, DOL e WDO. Mas o que são as letras e números depois desses códigos?

No código WDOM16 por exemplo:

➠ O “M16” mostra ao investidor a validade do contrato. No caso, esse ativo representa um minicontrato de dólar que vence em Junho de 2016.

A tabela a seguir mostra os códigos referentes a cada mês:

Mês Código
  Janeiro F
  Fevereiro G
  Março H
  Abril J
  Maio K
  Junho M
  Julho N
  Agosto Q
  Setembro U
  Outubro V
  Novembro X
  Dezembro Z

 

Dessa forma, como ficaria o código de um contrato cheio de dólar com vencimento em Outubro de 2016? É simples, DOLV16! Esse padrão é válido internacionalmente para todos os contratos futuros.

Viu como o Mercado Futuro é fantástico? Aproveite para aprender ainda mais sobre estes contratos e diversificar seus investimentos hoje mesmo!

Conheça também o Índice Futuro

Como falamos ao longo do artigo, com o Dólar Futuro você pode ir muito além, principalmente contando com uma boa consultoria e a mais rápida plataforma do mercado.

E se você ainda tem dúvidas, faça com milhares de clientes e confira você mesmo todos esses benefícios. Você pode se cadastrar agora mesmo e fazer um teste gratuito no Toro Radar. Faça seu teste!

Acesse agora a melhor consultoria do país