Blog

Esse artigo inaugura uma série sobre derivativos. Ao longo de vários artigos, vamos abordar o que são, como funcionam e o que fazer para lucrar com derivativos. Se você quer aprender como investir na bolsa com pouco dinheiro ou como maximizar seus ganhos com derivativos junte-se a nós!

Como investir na Bolsa de Valores - Veja o guia completo!

O que são as opções da Bovespa?

opcoes-bovespa

Uma opção sobre uma ação é um instrumento financeiro que serve para conferir ao seu dono um direito, e que, em contrapartida, impõe uma obrigação para quem a vendeu. Assim como todos os derivativos, elas podem ser utilizadas com a finalidade de minimizar riscos ou de ampliar a exposição e o potencial de retorno de um investidor da Bolsa de Valores.

Para explicar o que são opções da Bovespa, mais uma vez vamos nos utilizar de uma analogia:

Imagine que você tem um carro. Seu vizinho sabe que você está pensando em vender esse carro e gostaria muito de comprá-lo. Acontece que o carro custa R$30.000,00 e seu vizinho só tem R$1.000,00 guardados. É claro que ele não pode comprar seu carro, mas no final do mês ele receberá o dinheiro de uma sala que vendeu e poderá pagar o preço que você pediu. Então, ele lhe faz a seguinte proposta:

"Vou dar R$1.000,00 a você hoje, com uma condição. Você se obriga a me vender seu carro por R$30.000,00 até o final do mês que vem, se eu decidir que quero fazer isso. Ou seja, eu dou R$1.000,00 para você apenas pelo direito de comprar seu carro, pelo preço deR$ 30.000,00 até o final do mês que vem, e você recebe R$1.000,00 em troca da obrigação de vender o carro caso eu decida comprá-lo."

Então você pode pensar:

"Eu não tenho ninguém querendo meu carro agora, então vou aceitar a proposta. Se eu tiver de vender meu carro, levo R$31.000,00 (sendo R$30.000,00 pelo carro e R$1.000,00 pelo combinado com meu vizinho). Se ele não quiser comprar, a opção vence e eu embolso R$1.000,00 e continuo dono do carro".

opcoes-de-compraEsse contrato firmado entre vocês, é uma OPÇÃO. Com esse exemplo então, podemos trabalhar os principais conceitos do mercado de opções:

  • ATIVO OBJETO: CARRO - O carro é o ativo objeto porque a opção dá o direito de compra sobre o carro.
  • PRÊMIO: R$1.000,00 - O preço da opção recebe o nome de prêmio.
  • VENCIMENTO: Final do mês que vem - É a data em que o direito expira; deixa de valer.
  • STRIKE: R$30.000,00 - É o preço pelo qual você pode comprar o ativo objeto.
  • TIPO: Uma opção que pode ser exercida a qualquer momento é chamada AMERICANA. Uma opção que só pode ser exercida no vencimento chama-se EUROPÉIA. O padrão brasileiro é a AMERICANA.
  • SÉRIE: Todas as opções que tiverem o mesmo ativo objeto, o mesmo vencimento, o mesmo tipo e o mesmo strike são consideradas como sendo da mesma série.

O Guia do Investidor Iniciante

Veja um passo a passo para investir nas melhores modalidades do mercado

Se você está buscando conhecimento antes de começar seus investimentos, você está no caminho certo! Isso mostra que você sabe cuidar do seu dinheiro e assim você pode se tornar um grande investidor. Um investidor de sucesso normalmente constrói uma carteira diversificada, combinando diferentes prazos e modalidades de investimento, como investir em títulos de renda fixa e ações ou contratos futuros ao mesmo tempo.

Para ter uma carteira de investimentos diversificada, conheça os melhores investimentos do mercado e aprenda como investir de uma forma didática e simples, baixe o Guia Gratuito do Investidor Iniciante.

Guia completo do investidor iniciante - Ebook

E por que comprar opções da Bovespa?

mercado-de-opcoes-da-bovespa

Num primeiro momento, é fácil entender porque um investidor opta por vender opções. Como vimos, o dono do carro poderia vender o carro ganhando mais (R$31 mil ao invés de R$30 mil) ou ganhar R$1 mil sem precisar dar nada em troca. Nesse caso, o que levaria alguém a comprar uma opção? Qual seria a lógica de tomar essa decisão.

Três motivos explicam porque realizar esse investimento:

1) Falta de dinheiro no curto prazo

Você quer muito comprar o carro, sabe que R$30.000,00 é um preço justo, mas só terá condições de arcar com esse valor no final do mês. Nesse caso, você compra a opção para garantir que terá a opção de comprar o carro quando tiver dinheiro para isso.

2) Apostar na alta dos preços

Você ouviu dizer que o carro de seu vizinho sairá de linha e virará uma raridade no final do mês que vem. Se isso acontecer, o carro passará a valer R$100.000,00. Por outro lado, se for um boato, o carro estará valendo R$27.000,00 no final do mês que vem. Nesse caso, você tem duas opções:

  • comprar o carro;
  • ou comprar a opção de comprar o carro.

No primeiro caso, você pode lucrar R$70.000,00 (R$100.000,00 - R$30.000,00), o que seriam 233% de lucro. Se as coisas derem errado, você pode perder 10% do que investiu, pois o carro pelo qual você pagou R$30.000,00 estaria valendo R$27.000,00.

No segundo caso, você pode lucrar R$69.000,00. Por que se o carro valer R$100.000,00 e você puder comprá-lo por R$30.000,00, você terá a opção de ganhar R$70.000,00 - R$1.000,00 que já gastou = R$69.000,00. Isso é um lucro de 6.900% do valor investido, ou seja, 29,55 vezes mais do que comprando o carro. Por outro lado, se a história que você ouviu for um boato, você perderá R$1.000,00 ou 100%. Isso porque de nada vale o direito de comprar por R$30.000,00 uma coisa que vale R$27.000,00.

3) Cumprir um compromisso assumido

Você ficou sabendo de um amigo seu que gostaria de comprar o carro que seu vizinho tem. Muito curioso, você pergunta para esse amigo quanto ele estaria disposto a pagar pelo carro (igualzinho ao de seu vizinho) e ele responde que pagaria R$38.000,00, porque esse é o sonho dele. Então você diz que tem um carro e assina com ele um contrato de compra e venda, prometendo entregar o carro em 30 dias e com a promessa de receber o valor da venda em 30 dias.

Nesse caso, você precisa comprar o carro para garantir que vai honrar o compromisso que assumiu com seu amigo. Como você só receberá o dinheiro em 30 dias, você compra uma opção de comprar o carro de seu vizinho. Com isso, você está protegido. Não importa o que aconteça, você conseguirá comprar o carro, entregá-lo a seu amigo e obterá um lucro de R$38.000,00 - R$30.000,00 - R$1.000,00 = R$7.000,00.

Pronto! Agora é só trocar o nome de seu vizinho por "um investidor na bolsa" e o carro por uma ação que você conhece os principais motivos para se comprar opções da Bovespa, ou uma opção de compra de uma ação.

Descubra como ter sucesso na Bolsa de Valores - Baixe um guia gratuito!
Guia de sucesso na Bolsa de Valores

O que determina o preço no mercado de opções?

O preço das opções depende, basicamente, de duas coisas: o tempo e o ganho que ela fornece. Vamos analisar cada um desses valores:

  • TEMPO: Quanto mais tempo você tiver para escolher se quer ou não exercer a opção, melhor. É melhor ter um ano para pensar se quero o carro do que ter que me decidir em uma semana. Por isso, quanto mais longe for o vencimento da opção, maior será seu valor tempo.
  • VALOR INTRÍNSECO: Valor intrínseco é o mesmo que o ganho automático que uma opção fornece a quem a compra. Por exemplo: Se uma ação custa R$100,00, uma opção de comprá-la a R$98,00 tem valor intrínseco de R$2,00. Isso porque comprar uma coisa que vale R$100,00 por R$98,00 é um ganho automático de R$2,00.

O valor de uma opção (prêmio) é resultado da soma do valor tempo com o valor intrínseco.

tempo-preco-opcoes-bovespa

Como comprar uma opção? Veja um exemplo das opções Petrobras

Assim como as ações, as opções são identificadas por seu nome. Vamos tomar como exemplo as opções Petrobras:

  • As quatro primeiras letras indicam o ativo objeto: PETR = PETROBRAS S.A.;
  • A quinta letra indica o mês de vencimento A = Janeiro e B = Fevereiro;
  • Os números tendem a indicar o strike.

Neste caso temos as opções Petrobras: PETRA15 é uma opção de compra de ações Petrobras, que vence em janeiro, e cujo strike deve estar em torno de R$15,00.

Opções de Compra (CALL)

As opções podem ser de dois tipos: opções de compra ou opções de venda. As opções Bovespa mais comuns e mais negociadas são as opções de compra. No mercado brasileiro, elas são as opções com maior liquidez e volume de negociação e nas quais as maiores oportunidades de investimento se concentram.

Quem compra uma opção de compra, adquire o direito de comprar uma determinada ação (Ex. PETR4), a um determinado preço (ex. R$15,00) até uma determinada data limite (ex. 02/04/2015).

Por outro lado, quem vende essa opção assume a obrigação de vender as ações nas mesmas condições estipuladas.

As opções de compra (assim como as opções de venda), sempre vencem na 3ª segunda-feira do mês. Ou seja, toda  segunda-feira do mês, várias séries de opção vencem.

opcoes-sobre-acoes

O retorno dos investimentos em opções de compra


Para quem COMPRA opções Bovespa, o resultado do investimento pode ser definido pelo gráfico abaixo:

opcoes-bovespa-compra-como-lucrar

Para encontrar esse resultado, basta analisar os conceitos que apresentamos:

  • Ação abaixo do preço de strike: A opção não vale nada, pois ninguém quer pagar R$30,00 em algo que custa menos do que R$30,00. Quem comprou a opção perde 100%.
  • Ação entre o preço de strike e strike + prêmio: Nesse caso, à medida que o preço da ação sobe, o prejuízo de quem comprou a opção diminui. Isso acontece porque se você pagar R$0,30 para comprar uma ação por R$30,00 e ela estiver em R$30,15, você vai comprá-la, mas ainda assim terá um pequeno prejuízo. Somente acima de R$30,30 você terá lucro.
  • Ação acima de strike + prêmio: Nesse caso, quem comprou a opção está no lucro. Cada R$0,01 que a ação subir acima desse patamar será R$0,01 a mais de lucro para quem comprou a opção. Essa é a zona de lucro para o titular da opção.

Para quem VENDE opções, o resultado do investimento pode ser definido pelo gráfico abaixo:

opcoes-bovespa-acoes

No caso de quem vende a opção, a situação é oposta;

  • Ação abaixo do preço de strike: Quem vendeu a opção ganha 100%. Isso acontece porque se a opção dá o direito de comprar a ação a R$100,00 e ela está valendo entre R$0,00 e R$99,99 ninguém vai exercer esse direito. Dessa forma, quem vendeu a opção ficará com o dinheiro que recebeu, tendo 100% de lucro.
  • Ação acima do strike e abaixo de prêmio + strike: Se você recebeu R$1,00 para vender uma opção de compra a R$100,00 e a ação estiver a R$100,90, você ainda terá ganho. Você venderá a ação R$0,90 abaixo do que ela vale, mas ganhará R$1,00. Dessa forma, você ganhará R$0,10. No momento em que o preço da ação for igual ao preço de exercício mais o que você recebeu, seu lucro se tornará zero.
  • Ação acima de prêmio + strike: Se ação estiver acima do preço de strike + prêmio, quem vendeu a opção começa a perder dinheiro. Esse prejuízo não tem limite. Imagine que você recebeu R$1,00 para vender uma opção de compra a R$100,00. Se a ação subir para R$150,00, você perderá R$49,00. Dessa forma, perderá 49x o valor que recebeu. Somente investidores muito experientes devem se arriscar nessa modalidade operacional.

Você sabia que a Análise Técnica de Ações é uma ótima forma de entender a oscilação de preços de uma ação? Domine esta ferramenta e entenda o gráfico de preços baixando um Guia Gratuito!

Ebook Análise Técnica de Ações - download

Opções de Venda (PUT)

As opções Bovespa também podem ser de venda. Essas são um pouco mais complicadas de se entender, então se sua cabeça der um nó não se preocupe! Com um pouco de convívio com esses derivativos, você vai se acostumar.

No caso das opções de venda, quem compra a opção tem o direito de vender o ativo objeto e quem vende a opção tem a obrigação de comprar. É como se fosse uma opção de compra, porém com todos os conceitos invertidos.

opcoes-de-venda-put

Por que comprar opções de venda?

A compra de opções de venda segue a mesma regra dos derivativos em geral. Ela pode ser feita para se proteger ou para apostar em uma determinada movimentação de mercado e lucrar com ela. Vejamos 2 exemplos:

1) Se proteger

Imagine que João juntou todo dinheiro de sua vida (R$1.000.000,00) e investiu em ações da Vale. João acredita que dentro de 5 anos essas ações valerão 10 vezes mais, mas morre de medo que elas se desvalorizem. Para João, uma forma muito eficiente de se proteger é comprando opções de venda. Com essas opções, ele compra o direito de vender as ações que tem. Dessa forma, se o mercado cair, ele vai exercer seu direito e se proteger.

2) Apostar na baixa

Quanto mais uma ação cair, mais vale vendê-la por um preço elevado. Por exemplo, quem tem o direito de vender uma ação por R$100,00 ganha mais se puder comprar essa ação por R$90,00 ou por R$50,00? Se um investidor acredita que o preço das ações vai cair, ele pode comprar uma opção de venda e apostar nessa movimentação corretiva.

Aprenda a ganhar dinheiro com a queda de ações!

Você sabia que também é possível apostar na baixa de ações vendendo um ativo que você não tem em carteira e o comprando por um preço mais baixo? Essas operações são conhecidas como Short Selling, ou Venda a Descoberto. Veja no vídeo abaixo!


Aprenda as melhores estratégias para investir em ações
Assista ao curso completo e gratuito!

O retorno dos investimentos em opções de venda


Para quem compra opções de venda, o retorno pode ser expresso pelo gráfico abaixo:

opcoes-bovespa-acoes-put-compra

  • Ações acima do preço de Strike: Quem comprou a opção de venda, perde 100% do valor investido. Se ação vale mais do que R$100,00 ninguém vai querer vendê-la por R$100,00. A grande vantagem de comprar uma opção de venda ao invés de vender uma opção de compra é que o prejuízo é limitado no caso da compra de opção de venda.
  • Ações abaixo do preço de Strike e acima de Strike - Prêmio: Quem comprou a opção de venda, perde uma parte do valor investido. Se a ação estiver abaixo do preço de strike, que comprou a opção começa a ganhar dinheiro. Entretanto, até esse ganho empatar com o valor pago pelo prêmio, o investidor ainda está no prejuízo.
  • Ações abaixo de Strike - Prêmio: Quem comprou a opção de venda, começa a ganhar dinheiro quando a opção cai abaixo de strike - prêmio e ganha mais R$0,01 para cada novo centavo que a ação cair abaixo desse preço.

Para quem vende opções de venda, o retorno pode ser expresso pelo gráfico abaixo:

opcoes-bovespa-acoes-put-venda

  • Ações acima do preço de strike: A opção de venda vira pó (perde 100% de valor) acima de seu strike, pois ninguém vai querer vender por R$100,00 uma coisa que vale mais do que R$100,00. Dessa forma, quem vendeu a opção de venda, lucra 100%.
  • Ações abaixo do preço de Strike e acima de Strike - Prêmio: Se a ação estiver abaixo do preço de strike, valerá a pena exercer a opção, mas o prejuízo com o exercício será menor que o ganho com a venda da opção.
  • Ações abaixo de Strike - Prêmio: Nesse caso, cada novo centavo que a ação cair, será um novo centavo de queda (prejuízo para quem vendeu a opção). Seu prejuízo máximo é se a ação valer zero. Nesse caso, ele perderá o valor do strike - prêmio.

Vale ressaltar que estas estratégias, assim como qualquer investimento em renda variável, possuem riscos. Por isso é sempre importante buscar por conhecimento e contar com a ajuda de profissionais qualificados e experientes no mercado.

Quer continuar aprendendo sobre derivativos? Conheça o Mercado Futuro e as fantásticas possibilidades de investir em commodities, índices, no dólar e nas empresas mais importantes dos EUA.

Investindo em contratos futuros você tem a possibilidade de alavancar até 30 vezes o seu capital. Você não pode perder esta oportunidade!

Baixe já o nosso Ebook gratuito e aprenda como alavancar seus ganhos com os contratos futuros!

New Call-to-action

E aí, o que achou? Se tiver alguma dúvida ou quiser contar sobre sua estratégia, não deixe de comentar nosso post!

atua no mercado de ações há 8 anos e é membro da equipe do Toro Radar desde 2010, onde atua como instrutor de cursos e palestras sobre diversos temas na área de investimentos e como analista. Estudou administração de empresas no IBMEC de Minas Gerais e Direito na Universidade Federal de Minas Gerais. Possui a certificação de Planejador Financeiro CFP® - Certified Financial Planner, é Consultor de Valores Mobiliários registrado na CVM e Analista CNPI-T registrado na APIMEC.
E-book Guia completo do Investidor Iniciante

Últimos artigos

New Call-to-action